x

Informações Rápidas

O Objetivo itapetininga se preocupa com a qualidade de vida dos seus alunos. Está localizado num ambiente de muito verde que proporciona uma vista encantadora em mais de 23.000 m².

Conheça

Atendemos alunos do Infantil ao Pré-vestibular.

Fone: (15) 3275.8700

Siga-nos também em: Facebook.com/objetivo.itape

Parque Ecológico

O Parque Ecológico foi inaugurado em 1996, através de um comodato entre a Prefeitura Municipal de Itapetininga e o Colégio Objetivo. Antes da criação dessa unidade de conservação, a atual área com 14.000 metros quadrados, se encontrava sem qualquer utilidade, sendo explorado de maneira predatória (desmatamento, caça, depósito de resíduos, pasto, etc), o que estava resultando na destruição dos ecossistemas terrestres remanescentes. Hoje, o Parque Ecológico possui relevante papel conservacionista, científico, educativo e turístico, com vários atrativos: trilhas, nascentes, casa ecológica, viveiros de mudas, jardins experimentais (sensorial, medicinal e de beija-flores), minhocário, arvorismo, centro de triagem de resíduos sólidos, bosques, mini fazenda, horta orgânica e quiosques para visitantes (Figura 1). No local, encontra-se fragmentos de mata secundária, onde ocorre uma nítida transição entre Mata Atlântica de planalto. Associados a esse fragmento florestal, encontramos também formações vegetais ao longo dos córregos e banhados que cortam o Parque Ecológico, cuja vegetação arbórea e arbustiva, em algumas áreas, apresenta poucas alterações humanas e que pode ser confundida com mata de encosta. Um mapeamento recente dos recursos hídricos do perímetro urbano de Itapetininga (Figura 4), indica que a faixa de mata ciliar presente no Parque Ecológico é uma importante cabeceira de nascentes o que demonstra que a sua preservação e recuperação são fundamentais para a manutenção da sustentabilidade local. Grande parte dessa mata ciliar possui córregos de leito reduzido, geralmente abaixo dos 5 metros de largura. 
Além dos alunos do Colégio Objetivo, a comunidade local participa também de vários projetos destinados ao aproveitamento racional e ecológico da respectiva área, com a coordenação de biólogos e auxiliares mantidos pela escola, e  que são encarregados diretamente das atividades de educação ambiental.